Na Rede Gazeta


Egressa de Jornalismo vive experiência no Espírito Santo

Publicado em 25/9/2017

Formada pelo curso de Jornalismo em 2016, a ex-aluna Ana Luiza Velasco Menezes está vivendo uma experiência enriquecedora para sua carreira desde o início de setembro: ela faz parte da 20ª turma do curso de Residência da Rede Gazeta, em Vitória, no Espírito Santo.

Ela ficou sabendo da oportunidade através de um amigo e passou por um processo seletivo. Foram mais de 300 inscritos, mas apenas 100 pessoas foram selecionadas para a prova escrita e 15 se tornaram residentes. “A faculdade me deu base para fazer uma boa prova escrita, uma boa reportagem. Muita coisa falada aqui eu já tenho algum domínio, devido ao que aprendi em sala de aula”, comentou a egressa.

O curso se estende até o dia 30 de novembro. Durante o período, eles participam de oficinas e palestras com profissionais da Rede Gazeta. “Já tivemos oficina de rádio, palestra com uma coaching em comunicação, que também é fonoaudióloga, oficina de vídeo, de fotografia, entre outras”, explicou a ex-aluna.

– Está sendo um momento de muito crescimento, porque a gente convive com profissionais ótimos o tempo inteiro e podemos sentir na pele o que é ser um jornalista. Ainda não passei pela TV e nem rádio aqui na Rede Gazeta, mas estou ansiosa, acrescentou.

Maiores desafios

A distância de casa tem sido o ponto mais delicado para Ana Luiza, que é de Volta Redonda. “Cheguei aqui em Vitória no dia 4 de setembro, um dia antes do meu aniversário. Foi a primeira vez, em 23 anos, que comemorei longe da minha família, amigos e, principalmente, da minha irmã gêmea”, lembrou a jornalista. Ela ainda pontuou os maiores desafios em trabalhar em uma cidade diferente.

“Preciso conhecer tudo daqui pra poder escrever sobre, isso é assustador. O medo do novo e o medo de errar também são barreiras a serem enfrentadas todos os dias, mas os profissionais da Gazeta são bem compreensivos, até porque alguns deles já foram residentes. Tudo que tenho vivido aqui no Espírito Santo está sendo singular e eu vou levar essa experiência pra vida pessoal e profissional”, finalizou.


Veja Também:

Utilizamos seus dados para analisar e personalizar conteúdos e anúncios durante a navegação em nosso site. Ao navegar, você autoriza a FOA/UNIFOA a coletar tais informações e utilizá-las para estas finalidades. Em caso de dúvidas, acesse nossa política de privacidade